quinta-feira, 31 de março de 2011

Talvez

Hoje eu estava pensando naquela pessoa.
Aquela que só de olhar as minhas pernas tremem.
Que me faz flutuar sem que meus pés saiam do chão.
Ele me faz sair na rua e ver o mesmo rosto em todas as pessoas.
Agora eu me pego a imaginar,
Talvez existam milhões de outros neste mundo.
Mais  fortes.
Mais bonitos.
Mais altos ou baixos.
Mais discretos ou ousados.
Mas ainda assim sou eu que me recuso a vê-los.
São tantos lugares,
Tantas pessoas
E nenhuma delas faz o meu coração querer gritar desta maneira.
Quando ele não está perto meu coração fica vazio.
Sinto como se tivesse ido embora com o vento.
E o vento não vai voltar.
Devo aceitar que não devo me apaixonar por você,
Mas o que fazer quando já é tarde demais para isso?

2 comentários:

Clarice Valentine disse...

"Devo aceitar que não devo me apaixonar por você,
Mas o que fazer quando já é tarde demais para isso?"
o problema é que é sempre tarde demais Y_Y
:*

Kamila disse...

Que lindos versos..
E me tocou tão fundo, porque se eu pudesse, queria tê-lo escrito também, é exatamente o que tenho sentido! =)

Parabéns pelo blog, está lindo demais.
Um grande abraço
http://kamila-poesia.blogspot.com/

Postar um comentário

Followers